O QUÊ VOCÊ PROCURA?

EXAGERADAMENTE POP! http://www.qualagrandeideia.com/

Mostrando postagens com marcador Jay-Z. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Jay-Z. Mostrar todas as postagens

28 abril 2016

"Lemonade" é grandioso e não somente sobre a "Becky", moça do cabelo bom!

Por em 28.4.16

A internet mais uma vez foi parada pela dona de tudo isso aqui. Beyoncé, dia 23 de abril de 2016. Todo mundo ficou em polvorosa... Mas em partes, pelas razões erradas!

O álbum visual Lemonade, foi finalmente lançado, e o material trouxe muito mais do que todos esperavam dessa mulher que resume em si, tudo que a música pop dos dias de hoje deve ser.

Três anos após o álbum "Beyoncé", o sexto disco da artista chega como seu trabalho mais pessoal, e presta um serviço social que cabe totalmente ao momento que vivemos, e traz uma Beyoncé ativista e liberta. Quando o tema não gira em torno de sua vida íntima, a mulher negra americana é empoderada de forma maestral.

Lançado em parceria com a HBO, durante 50 minutos, uma peça audiovisual de encher os olhos foi transmitida, o que alguns chamam de documentário, outros dizem ser um filme, e há quem considere como uma coletânea de clipes, nós chamamos apenas de Lemonade, assim como Beyoncé que não é uma cantora, performer ou atriz. Beyoncé é Beyoncé, e Lemonade é Lemonade.

Com tantos pontos incríveis a serem enaltecidos, como por exemplo, o discurso de Malcon X sobre a mulher negra contido num dos atos:
"A pessoa mais desrespeitada nos Estados Unidos é a mulher negra. A pessoa mais desprotegida nos Estados Unidos é a mulher negra. A pessoa mais negligenciada nos Estados Unidos é a mulher negra."


No decorrer de Lemonade, mulheres negras são empoderadas na tela, e poucas vezes homens aprecem, entretanto, o buzz em torno do állbum tem sido equivocado e extremamente sexista. As pessoas tem se preocupado constantemente com quem é "Becky with the good hair" citada na música "Sorry", canção que supostamente fala sobre uma traição de Jay-Z.

Minutos após a exibição de Lemonade na HBO, a estilista Rachel Roy postou em seu instagram uma foto que seria uma indireta à Queen B, lançando ainda mais lenha na fogueira dos tablóides, e causando a ira dos Beyhives.



Sinceramente, um projeto tão rico de conteúdo, inovador, e necessário para toda sociedade mundial deve ter as questões corretas como foco da mídia e da população em geral.

Também existem teorias sobre Rita Ora ser a Becky do cabelo bom..


"Normalmente não respondo fofocas de tabloides, mas me permitam ser clara, esses rumores são falsos."

O próprio título já carrega consigo um significado forte o suficiente para que a identidade de Becky seja o menor ponto a ser comentado. Bey escolheu Lemonade como título por conta de uma crença antiga dos escravos de que ao tomarem limonada, poderiam tornar-se brancos e ainda declarou "Meus ancestrais escravizados tomavam limonada achando que isso iria embranquece-los. A mídia me deu limonada, mas não adiantou."

Vamos esquecer a Becky e aproveitar este presente que Beyoncé deu ao mundo.

Por enquanto, o álbum segue disponível apenas para ser ouvido no Tidal e para compra no Itunes, mas a partir do dia 06 de maio, tanto as músicas, quando o vídeo, serão lançados em versão física. Há também a promessa de que os demais serviços de streaming (como Deezer e Spotify) recebam Lemonade.


Qual a Grande Ideia? QAGI? www.qualagrandeideia.com www.qualagrande.blogspot.com.br

31 janeiro 2014

A parceria desconfortável de Shakira e Rihanna no clipe de "Can't Remember To Forget You".

Por em 31.1.14
Shakira e Rihanna são duas cantoras que tem muito em comum. Ambas nasceram em países da America Latina, as duas tem uma voz bem singular e inconfundível e, agora, as duas estão sob os cuidados de Jay Z na RocNation. Mas apesar da origem parecidas, as cantora seguiram direções artísticas muito diferentes. E quando a noticia da parceria das duas veio a tona, tudo que esperávamos era algo, no mínimo, épico. E, bem, não foi isso que aconteceu.

Na faixa das cantoras, "Can't Remember To Forget You", para o novo álbum da Shakira,  a personalidade de cantora está bem marcada. A música é quase uma referencia-homenagem ao inicio da carreira da colombiana, que depois de anos de carreira, já está consolidada no mercado latino, americano e mundial e não precisa provar mais nada pra ninguém. Mas e a Rihanna? A personalidade de Rihanna foi eclipsada na faixa e o que tivemos foi o uso de uma cantora cheia de carisma apenas como alegoria. Rihanna estava ali pra agregar valor. As personalidades se misturaram e a voz inconfundível se confundiu.


E se o áudio já mostrava uma parceria ineficiente, o clipe da faixa, que foi lançado hoje, só reforça essa constatação. Shakira e Rihanna estão lindas, o cenário está ótimo, os figurinos muito bem feitos. Na teoria, tudo daria certo, mas o que vemos foi uma edição desconexa, uma direção fraca e duas cantoras desconfortáveis em cena (a cena do charuto é muito mal executada). Enfim, adoro o trabalho das duas e acho que fazer um clipe-sexy-ostentação não seja o suficiente. Ambas já fizeram coisas infinitamente superiores, o clipe não cumpriu as expectativas. Pelo menos, as minhas.

14 agosto 2013

Baauer, Just Blaze e Jay-Z lançam clipe para a faixa "Higher"!

Por em 14.8.13

Conhecido pelo hit "Harlem Shake", Baauer se juntou a Just Blaze e criou, ainda com a participação de Jay-Z, a faixa “Higher” - novo "electro alternativo" daqueles.

Assim, para sua divulgação, a faixa, que ficou, digamos, do caralho, ganhou um clipe bem bollywoodiano onde crianças de alta periculosidade aprendem uma perigosa arte com facas indiana e treinando com paus dão ao clipe um desfecho bem surpreendente!



04 julho 2013

"Holy Grail": é revelada faixa do novo álbum de Jay-Z com participação de Justin Timberlake!

Por em 4.7.13

Depois revelar vários detalhes de seu novo álbum em parceria com a Samsung e mais recentemente a capa do intitulado Magna Carta Holy Grail, essa aqui, Jay-Z acabou por liberar uma das músicas que estarão no novo álbum, melhor que isso: uma das música que tem aprticipação de Justin Timberlake.

Com o nome "Holy Grail", de parte do título do álbum a qual pertence, a faixa com Justin é o típico rap de Jay-Z. Intro calminha e gostosa seguida de rap sem rodeios e sem os esperimentalismos e torturas do amigo Kanye. Apenas rap e rap dos bons e contagiantes.



A faixa foi produzida por The-Dream e Timbaland (pra váriar). Já o Magna Carta Holy Grail estreia mundialmente no dia 9 desse mês.

23 junho 2013

Novo álbum de Jay-Z que terá 1 milhão de cópias distribuídas gratuitamente tem tracklist liberada!

Por em 23.6.13

E o novo álbum de Jay-Z, em uma mega (e cara) parceria com a Samsung, já começou a dar problemas ao cantor antes mesmo de ser lançado. Isso por que o rapper irá disponibilizar o Magna Carta Holy Grail  gratuitamente aos fãs através do aplicativo Magna Carta App em que s erão ao todo disponibilizadas 1 milhão de cópias para os usuários do Samsung Galaxy e cada uma delas custará U$ 5 á Samsung.

Assim, um porta-voz da Official Charts Company disse em entrevista que essas cópias não serão contadas nos números oficiais de vendas, deixando assim Jay-Z sem um certificado de cópias que essas 1 milhão representariam.

“A música que os consumidores recebem gratuitamente, em versões físicas ou downloads, nunca contam para os charts oficiais e o álbum de Jay-Z não será diferente, serão contadas apenas compras legítimas”.

Com certificado ou não, o novo álbum de Jay-Z está previsto o dia da independência dos Estados Unidos, 4 de Julho, e até então conta com produção de Pharrell Williams, Timbaland, Rick Rubin e Swizz Beatz, e colaborações de Drake, Timbaland, Nas, Pharrell e Justin Timberlake

A tracklist do álbum fui divulgada recentemente:

1. Picasso Baby
2. Heaven
3. Versus
4. Tom Ford
5. Beach Is Better
6. FuckWithMeYouKnowIGotIt
7. Oceans
8. F.U.T.W.
09. Part II (On The Run)
10. BBC
11. La Familia
12. Jay-Z Blue
13. Nickles & Dimes
14. Holy Grail (Bonus Track)
15. Open Letter (Bonus Track)  

08 junho 2013

QAGI? REVIEW: Assistimos "O Grande Gatsby"... E olha, nós temos muita coisa pra te contar!

Por em 8.6.13
O estardalhaço em torno de O Grande Gatsby começou de uma forma meio incomum. A trilha sonora do filme produzida pelo gigante Jay-Z abriu caminho para trailers, cartazes e pequenas revelações sobre a trama aqui e ali. Mas na sala de cinema a grandiosidade da produção conseguiu engolir qualquer expectativa. 

Na história o Sr. Gatsby é um milionário rodeado por boatos, suposições e segredos. Nick Carraway (Tobey Maguire) é o tiro inicial da trama, tornando-se mais tarde a ponte de Gatsby com sua prima Deisy (Carey Mulligan), chave para o desenrolar da história. Mas o roteiro e o desenvolvimento dos fatos, apesar de se tratar da adaptação de um best seller, não são os pontos mais altos da produção. 

O que prende qualquer espectador aqui é a sensacional construção visual feita com muito cuidado. A Nova York dos anos vinte salta aos olhos a cada nova cena: cores vibrantes, detalhes minuciosos em cada móvel das grandes mansões, clarões que nos levam de cena a cena em busca de esclarecimentos, figurinos que tem seus tons e modelagens escolhidos a dedo e penteados que molduram o rosto das atrizes delicadamente ornadas em penteados e maquiagens da época. Tudo é muito bem fotografado.

Quem já assistiu a obras como Romeu e Julieta e Moulin Rouge, vai perceber uma fortíssima assinatura do diretor Baz Luhrmann, responsável por ambos. A velocidade com que ele constrói as sequências da primeira parte da história, seus ângulos inovadores que deslizam por cima da mesa de jantar ou passam em um giro rápido pela cidade, dão os primeiros sinais da sua influência marcante. A densidade dos diálogos e fidelidade com a obra original vem logo em seguida. Mas o que define a filmografia do talentoso cineasta é o uso perfeito das cores em uma fotografia impecável para expressar sentimentos, relações e outras emoções até então intangíveis. Há cenas em que o destaque em vermelho ou branco consegue até preencher lacunas na rasa atuação de alguns atores, que acabam por limitar a dramaticidade de alguns momentos.

O desafio de fazer o primeiro drama totalmente filmado em 3D foi também aceito e muito bem executado. Apesar de não ser indispensável em diversas partes, o recurso conseguiu atingir seu ápice quando utilizado com sabedoria. Destaque mais que merecido para a cena que introduz Daisy: em uma sala redonda, a moça deitada no sofá com todas as janelas abertas surge entre cortinas brancas que se espalham pelo ar mesclando diferentes níveis de profundidade. Uma bela utilização da tecnologia em favor da sutileza.


E se você como eu, vem ouvindo a trilha sonora há mais de um mês como se não houvesse mais nada na sua playslit, prepare-se, porque ela fica ainda mais linda na tela. Versões acapella, uma mashup de algumas faixas e até as rimas guetto style de Jay-Z, são inseridas no contexto sem destoar de toda a pompa de 1922. Como era de se esperar, a suntuosa "Young and Beautiful" de Lana Del Rey, chega a se tornar um personagem pelo número de vezes em que aparece com diferentes roupagens sonoras durante a história. Já a polêmica versão de "Back To Black" gravada por Beyoncé surge discreta e seria agradavelmente substituída pela original. 

Apesar de Tobey Maguire ser o responsável pela introdução do espectador em todo o mundo de Gatsby, o ator continua com a mesma expressão Peter Parker quase todo o tempo. Chega a ser incomoda a atuação apática de um personagem que precisava de mais profundidade para suas incertezas e inseguranças em relação o universo em que está inserido. No elenco feminino, Carey Mulligan apesar de não apresentar uma incrível performance embasbaquece por sua beleza impar, cabelos loiros em um chanelzinho clássico e  por contracenar com o grandioso (sim, eu disse grandioso) Leonardo DiCaprio. Eu ainda me perguntava o motivo de tanto burburinho em torno de nosso eterno herói-do-Titanic, mas o ator com suas pequenas rugas,  consegue convencer e encantar com o seu galante Gatsby. A impressão inclusive é de que ele arrasta os demais personagens com sua forte presença, marca constante na linha tênue que divide seu papel entre o amor, a sanidade e uma força incontrolável de não se conformar com o passado. Oscar de melhor ator? Eu acho que sim. 

O Grande Gatsby corresponde as promessas feitas até aqui: um filme destacado por suas belas construções em 3D, uma trilha muito bem escolhida e a esperada boa atuação feita por Leonardo DiCaprio. Não vá esperando reflexões profundas ou aquele sentimento confuso que filmes bem roteirizados acabam deixando quando as luzes se acendem. Mas tenha certeza de que se trata de algo grande que vale o ingresso + combo de pipoca sem sombra de dúvida. 

30 maio 2013

Iggy Azalea e Angel Haze se unem em cover de "Otis" + 1ª apresentação de novo single de Haze!

Por em 30.5.13

Angel Haze inimiga de Azealia Banks. Iggy Azalea? Com alguns desentendimentos com Azealia Banks. Iggy Azalea e Angel Haze? Bem, sentaram-se apra tricotar e acabaram virando amigas, e, entre ajudas aqui, pitacos e palpites alí, saiu uma parceria bem interessante entre as duas. Um cover de "Otis" do duo The Throne, mais conhecido como "A parceria entre Jay-z e Kanye West", do álbum Watch the Throne!



Curtiu? Pois fica que tem mais. Angel Haze, cantou pela primeira vez, recentemente, o novo single "No Bueno" em apresentação em Londres! A música é caótica e impactante, bem no estilo Kanye West de fazer música. E, pelo menos nessa apresentação, Angel mostra seus vocais bem parecidos com o da amiga Iggy, mas com muita mais presença de palco e sem aquela impressão incomoda de que vai desmaiar e morrer a qualquer momento (vide esse apresentação da Iggy, péssima por sinal rs)


A música estará no debut álbum de Haze que foi gravado, como contou ela em entrevista a  The FADER, na Espanha, em Londres, em Los Angeles e que teve produção de Markus Dravs (Coldplay, Arcade Fire...). A Universal Republic ainda não divulgou a data de lançamento do álbum.

Agora assim, pra finalziar, meio nada a ver, eu sei, mas ô saudade da Nadia Oh! hahaha

23 maio 2013

"Sound Of Change": Evento que visa os direitos das mulheres receberá grandes nomes da música!

Por em 23.5.13
A cantora Beyoncé será a atração principal e diretora artística do evento intitulado Sound Of Change, organizado em conjunto com a marca Gucci, que será realizado no estádio Twickenham em Londres. O evento visa ajudar mulheres a exporem seus problemas e direitos sendo produzido e exibido no primeiro dia do mês de Junho pelo canal norte-americano BBC-One com o título "Beyoncé & Friends Live at Twickenham", tendo como apresentadores principais: Madonna, Blake Lively, Jessica Chastain, Zoe Saldana, Gloria Steinem e Archbishop Desmond Tutu.

Além das ações conscientizadoras do evento, várias performaces já estão agendadas, como as da cantora Florence Welch junto a sua banda, a própria Beyoncé que dividirá o palco com um artista ainda não revelado (Jay-Z, Destiny's Child, Justin Timberlake, Lady Gaga talvez?), Iggy Azalea, Rita Ora, Jeniffer Lopez, Ellie Goulding, Haim, John Legend, Timbaland, Laura Pausini, dentre outros. 

Esse show promete e a causa é das boas!!!

30 abril 2013

Emeli Sandé regrava "Crazy In Love", de Beyoncé, para trilha sonora d'O Grande Gatsby

Por em 30.4.13
Parece piada, mas não é: a britânica Emeli Sandé regravou a tão famosa "Crazy In Love", da Beyoncé, para integrar a trilha sonora do filme O Grande Gatsby, que está dando o que falar mais pela sua trilha do que pelo filme em si.

Jay-Z, que ficou responsável pela trilha sonora, aparentemente está dedicado a estragar todas as músicas que gostamos. Depois de destruir "Back To Black", da Amy Winehouse, com vocais da Beyoncé (que arrasou) e André 3000 (que avacalhou), a nova agora foi "Crazy In Love". Como era de se esperar, Emeli desempenhou perfeitamente seu papel de cantora, mas a versão orquestral-retrô da música antes bate-cabelo faz qualquer um pedir pra morrer (ou dormir). 

17 abril 2013

"Girls Love Beyoncé": Drake lança uma ótima faixa usando um sample das Destiny's Child!

Por em 17.4.13
Depois de lançar "Started From The Bottom", que virou "meme", principalmente nos Estados Unidos, e lançar uma faixa viral intitulada "5AM in Toronto", Drake, continua lançando músicas avulsas na internet para nos dar um gostinho de como o seu terceiro álbum de estúdio, Nothing Was The Same será.

Dessa vez a faixa em questão é "Girls Love Beyoncé" que conta com a participação James Fauntleroy, que já trabalhou com Justin Timberlake, Kanye West, Jay-Z e a própria Beyoncé. A faixa tem um sample de "Say My Name", eterno sucesso do grupo Destiny's Child, e trata sobre as desilusões amorosas pós-fama no qual Drake já se envolveu. Escute a faixa abaixo:

14 fevereiro 2013

Justin Timberlake na vida mansa e de terno e gravata em "Suit & Tie", seu novo videoclipe!

Por em 14.2.13
O vídeo de "Suit & Tie", single de retorno de Justin Timberlake e que conta com a participacão de JAY-Z acaba de ser inesperadamente lançado no canal VEVO do cantor.

O vídeo possui um roteiro bem simples e típico da nova era de Justin. A produção em preto-e-branco, dirigida por David Fincher, mostra Justin (mais lindo do que nunca) em uma performance que lembra exatamente a mesma que ele fez na noite de cerimônia do Grammy Awards desse ano, exibida no último domingo. Com muita bossa, Justin explora ao máximo a sonoridade vintage da canção enquanto exibe sua inquestionável habilidade vocal e corporal. Ótimo retorno!



Vale lembrar que o próximo álbum do moço, The 20/20 Experience, já está em primeiro lugar em diversos países. Esse será o ano de Justin, sim ou com certeza? (falo do Timberlake, ok? rs)

24 janeiro 2013

Assista ao lyric-video de "Suit & Tie", novo single de Justin Timberlake!

Por em 24.1.13
Como todos sabem, Justin Timberlake anunciou recentemente seu comeback com o laçamento de "Suit & Tie", single de retorno do moço que conta com a participação de Jay-Z e que estará presente em The 20/20 Experience, seu próximo álbum com lançamento previsto para esse ano. 

A repercussão da 'massa' foi um tanto mista: uns adoraram por Justin voltar com uma faixa cuja sonoridade fosse compatível com o estilo musical que mais lhe cai bem - o R&B. Outros já reclamaram, dizendo que a música não é farofa é "chata"  e que ainda preferiam os singles anteriores. Um pensamento meio contraditório, já que o produtor de "Suit & Tie" é o mesmo da maioria dos singles do FutureSex/LoveSound e que o estilo também também não é muito distinto dele. Opiniões a parte, "Suit & Tie" vai muito bem nos charts, obrigado. Só pra ter uma noção, ela conquistou o #1 do iTunes de vários países poucos minutos após seu lançamento na loja virtual.

E hoje, o menino Justin not Bieber divulgou o lyric-video do single, que foge um pouco do padrão dos demais. Ao invés de conter apenas a letra da música com alguns gráficos no fundo, podemos conferir imagens inéditas de JT nos bastidores da seção de fotos para promoção do novo álbum. Confira abaixo:

21 janeiro 2013

Conheça K Koke e escute seu mais novo single "Lay Down Your Weapons" com a participação de Rita Ora!

Por em 21.1.13
K Koke é uma das apostas do rap/grime no Reino unido deste ano. Após liberar a sua primeira mixtape de graça em vários sites, Koke ganhou uma grande notoriedade entre os "undeground rappers" do UK - Underground esse que já revelou nomes como Professor Green, Devlin, Plan B e Example).

A notoriedade foi tanta que recentemente o rapper conseguiu um contrato com a ROC NATION gravadora de niguem mais, niguem menos que Jay Z. Lançando assim o seu primeiro single oficial "Turn Back" que conta com a participação do fanstático e subestimado Maverick Sabre. Veja abaixo:



E para dar continuidade nos trabalhos de divulgação do álbum de estréia Koke convocou sua colega de gravadora Rita Ora para ajudar nos vocais de "Lay Down Your Weaponds" música que tem pegada parecida com "Read All about It" do Professor Green e "Love The Way You Lie" do Eminem.

Já no clipe Koke tenta mostra a vida de um recém-interno de um presidio, basicamente a mesma coisa que foi retratada na clipe de "Prayin'" do Plan B (só que lógico, de uma maneira menos teatral). Assista abaixo:


14 janeiro 2013

Ouça "Suit & Tie", single de retorno de Justin Timberlake com Jay-Z

Por em 14.1.13

Então, o tão esperado single de retorno de Justin Timberlake, com participação de Jay-Z (mas sem Beyoncé), foi divulgado. Intitulado "Suit & Tie", para o álbum The 20/20 Experience, a música tem uma forte pegada R&B, mas infelizmente não parece comercial o suficiente para um marcante retorno de Justin.


Enfim, gostaram? Minha opinião pessoal é: não. Ok que, convenhamos, a abertura da faixa, assinada pelo Timbaland, ficou incrível, mas a mudança de água pra vinho, ou quase, transformando a música em 2, não ficou agradável e mesmo deliciosa em seu atrevimento R&B, não é faixa pra se deixar no repeat eterno.

10 janeiro 2013

Depois de 8 anos... Beyoncé anuncia música inédita das Destiny's Child!

Por em 10.1.13

Depois de David Bowie e Justin Timberlake (que começou a fazer suspense agora a pouco - depois dos rumores de que voltará com participação de Beyoncé, Jay-Z e Timbaland), as Destiny's Child também anunciaram retorno!
"Estou orgulhosa em anunciar a primeira música inédita das Destiny's Child em 8 anos", disse Beyoncé, em uma mensagem publicada em seu site oficial. 

O retorno do famoso trio será através de uma coletânea,  já em pré-venda no Amazon, intitulada Love Songs, que incluirá sucessos das garotas e uma música inéditas, confira a tracklsit:

1) Cater 2 U (2004 – Destiny Fulfilled) 2) Killing Time (1998 – Destiny’s Child) 3) Second Nature (1998 – Destiny’s Child) 4) Heaven (2002 – Simply Deep) 5) Now That She’s Gone (1999 – The Writing’s On The Wall) 6) Brown Eyes (2001 – Survivor) 7) If (2004 – Destiny Fulfilled) 8) Emotion (2001 – Survivor) 9) If You Leave (featuring Next) (1999 – The Writing’s On The Wall) 10) TShirt (2004 – Destiny Fulfilled) 11) Temptation (1999 – The Writing’s On The Wall) 12) Say My Name (Timbaland remix) (2002 – This Is The Remix) 13) Love (2004 – Destiny Fulfilled) 14) Nuclear (2013 – Destiny’s Child – Love Songs

Read more at We Are Pop Slags: News: Beyoncé Announces New Destiny’s Collection ‘Love Songs’ + New DC Track http://www.wearepopslags.com/news-beyonce-announces-new-destinys-collection-love-songs-new-dc-track/
1) Cater 2 U (2004 – Destiny Fulfilled)
2) Killing Time (1998 – Destiny’s Child)
3) Second Nature (1998 – Destiny’s Child)
4) Heaven (2002 – Simply Deep)
5) Now That She’s Gone (1999 – The Writing’s On The Wall)
6) Brown Eyes (2001 – Survivor)
7) If (2004 – Destiny Fulfilled)
8) Emotion (2001 – Survivor)
9) If You Leave (featuring Next) (1999 – The Writing’s On The Wall)
10) TShirt (2004 – Destiny Fulfilled)
11) Temptation (1999 – The Writing’s On The Wall)
12) Say My Name (Timbaland remix) (2002 – This Is The Remix)
13) Love (2004 – Destiny Fulfilled)
14) Nuclear (2013 – Destiny’s Child – Love Songs)

O lançamento está previsto para 29 de janeiro!



Saudades?

31 dezembro 2012

Sim, isso está acontecendo! Kanye West e Kim Kardashian vão ter um filho!

Por em 31.12.12
Quando você pensa que 2012 não pode te trazer mais surpresas... BOOM! Você tem mais essa. Sim Kanye West e Kim Kardashian conseguiram mais uma vez apontar os holofotes para si.

Tudo começou quando o rapper interrompeu seu show que estava rolando na cidade de Atlantic nos EUA e disse a seguinte frase:



"Can we make some noise for my baby mama over here?"
"Dá pra fazer um pouco de barulho  para minha mamãezinha bem aqui?"

Ate ai tudo bem, "Baby Mama" nem sempre quee dizer que a menina esta gravida, porém, como era de se esperar o clã kardashian correu pro twitter e começou a gritar pros quatro cantos da terra o quão estavam felizes por finalmente poderem compartilhar essa notícia com o mundo:

"Tenho esperado para gritar do telhado de alegria e agora eu posso! Outro anjo que sera bem vindo em nossa família. Super Ansiosa" - Kourtney Kardashian (Irmã de Kim)

"Estou Feliz pelo Kanye e minha irmã! Não há nada como trazer uma vida a esse mundo! Que as benção de Deus continuem vindo." - Lamar Odom (Marido de Khoe Kardashian irmã de Kim)
                                                                    - Kris Jenner (Mãe de Kim)
Que está ansioso para o bebê da Kimye?  - Kendal Jenner (Irmã de Kim)

Um porta-voz do casal confirmou ao E! NEWS que Kim está gravida de 12 semanas (3 Meses). Sendo assim não restam duvidas que isso realmente está preste a acontecer, temos ai longos seis meses pra nos acostumarmos com a idéia de que Kanye West vai ser pai.

Sera que já podemos esperar um feat. com o bebe recém-nascido como Jay-Z fez com a pequena Blue Ivy? Sera que o Kanye vai por um nome bem "exótico" no seu bebê?

23 outubro 2012

Nicki e seus amigos rappers numa festa rapper em "Come On A Cone"

Por em 23.10.12

"Pausa" deve ser uma palavra que não existe no dicionário dos rappers. No de Nicki Minaj então... Por que, veja bem, Nicki não apenas é  rapper, como também uma das pessoas mais chamadas pra feat. nos últimos anos! É clipe por cima de clipe e agora mais um. Esse, dela mesma, é para a faixa "Come On a Cone", uma das melhores do Pink Friday: Roman Reloaded, seu segundo álbum de estúdio que ganhou seu 7º clipe, com esse discutido aqui.

O novo vídeo de Nicki, mesmo que vazado, mas já pronto logo depois do lançamento de um clipe de um outro e novo projeto, "The Boys", é dirigido por Grizz Lee e conta com participação de Gucci Birdman, Tyga, Mane, Jay-Z, Kanye West, Beyoncé e outros famosos.

Backstage style. Nada demais, desnecessário. (Amei o ataquinho a Lil Kim! hahahaha)


09 agosto 2012

Assista o primeiro comercial oficial do VMA 2012 com participações de Kanye West e Kim Kardashian

Por em 9.8.12
Que Kanye West e Kim Kardashian estão namorando não é mais surpresa para ninguém, aproveitando-se disso a MTV gringa chamou os dois para protagonizar o primeiro comercial oficial do VMA 2012 juntamente com o ator e comediante Kevin Hart, que por sua vez é o apresentador da cerimônia esse ano. Saca só o comercial no mínimo genial abaixo:



A premiação acontecerá no dia 6 de setembro e por enquanto tem performances confirmadas de Pink, Alicia Keys e One Direction. Drake e Rihanna lideram as indicações esse ano, já Kanye está indicado juntamente com seu parceiro de projeto Jay-Z em três categorias. Então vem ouvir "Niggas In Paris", música incrível da parceria entre os dois extraída do álbum Watch The Throne:

30 maio 2012

Novo clipe do The Throne dirigido por Romain Gavras, "No Church in the Wild"!

Por em 30.5.12

Depois de ser lançada, com clipe e tudo, em vários covers de vários cantores, entre eles Melody Thornton, finalmente o clipe oficial de umas das músicas mais lembradas do Watch The Throne, álbum colaborativo do ano passado entre Jay-Z e Kanye West para a parceria denominada The Throne, "No Church in The Wild", foi liberado.

Nele - dirigido por Romain Gavras, amigo de M.I.A. (diretor de "Born Free" e "Bad Girls") e que já dirigiu, também, vídeo para o Justice - um revolta das pesadas, com muita agressão e simbolismo, como Romain faz muito bem e é acostumado, não tem Jay nem West, mas a produção fala por sí só.




www.qualagrandeideia.com

17 abril 2012

"How We Do (Party)", o segundo clipe de Rita Ora!

Por em 17.4.12

No último dia 4 a cantora Rita Ora, recém introduzida no mercado músical, divulgou seu primeiro vídeo, para a música "R.I.P."  com  Tinie Tempah, e não se deu muito tempo pra perceber que, pra começo de história, as coisas não estão muito boas.

Ai começou a anunciar "How We Do (Party)" e minha esperança de que a moça viesse com algo bom morreu no título. E agora na música e no clipe dela. Farofão visual e auditivo dos melhores, se é que me entendem. Rita fazendo a recepitiva numa festa, que nem dela é, pra um monte de gente estranha. Já vimos isso antes. E, afinal, qual a relação sonora e conceitual dos primeiros singles da cantora? An?





Atualmente, Rita trabalha no seu debut album, intitulado Albi, pela Roc Nation, gravadora de Jay-Z filiada à Sony Music.

WEEK TOP POST!

Todas as imagens publicadas nesse site são retiradas da internet. Caso você tenha direito sobre alguma delas e queira que essa seja devidamente creditada ou, até mesmo, excluída, entre em contato para pronta operação. Programação e Design por Roberto Júnior.